sexta-feira, 20 de julho de 2018

Artigo, Marcelo Aiquel - Marcos Rolim


         Recebi, dias atrás, cópia de uma mensagem escrita pelo meu velho amigo Luizinho Pereira Lima, brilhante médico além de ser descendente de uma família de muita tradição no nosso Estado.
         A mensagem se tratava de uma carta – muito bem escrita e usando de uma educação primorosa e invejável – onde o Professor Luizinho comenta artigo escrito pelo dissimulado esquerdopata gaúcho Marcos Rolim, em defesa do ex-presidente Lula da Silva.
         A carta referia-se a um texto (de autoria do Rolim), denominado “Uma carta para Lula”.
         Fosse eu que tivesse recebido tal mensagem – educadíssima, por sinal – daria um jeito de ficar bem escondido por um longo período.  De vergonha; não fosse por outra razão!
         Porém, gostaria de dizer ao meu amigo Luizinho que tal alvo não merecia a sua perda de tempo ao escrever, e que este (tempo) teria sido muito melhor aproveitado no atendimento sempre correto dispensado aos seus pacientes.
         Uma pessoa dúbia – como o Rolim – jamais deixará de defender o indefensável, no caso, o fracasso das ideologias de esquerda que carrega na alma, fruto do seu passado.
         Dr. Pereira Lima, não perca seu valioso tempo com coisas sem importância como o desespero do Rolim, ao assistir a derrubada de mais um muro, depois de Berlim.
         Continue na sua cruzada contra as doenças silenciosas que – certamente – o amigo colaborará para um futuro melhor.
         Receba meu abraço, e a minha solidariedade.
         PARABÉNS!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário