segunda-feira, 16 de julho de 2018

Inflação do IGP-10 despenca para 0,93% em julho

O IGP-10 de julho subiu 0,93%, ante a alta de 1,86% no mês anterior, conforme divulgado há pouco pela FGV. 

A despeito da desaceleração, o resultado surpreendeu, ficando acima do esperado pelo mercado (0,81%, de acordo com a mediana das expectativas). 

Acumulado em doze meses, o índice registrou elevação de 8,06%. 

A desaceleração ante a leitura de junho foi explicada tanto pelos preços industriais quanto pelos agrícolas. Itens como aves, carne bovina e ovos apresentaram aceleração na margem, contribuindo para a surpresa altista. Após avanço de 2,41% no mês passado, o IPA industrial registrou alta de 1,61%. Já o IPA agropecurário apresentou deflação de 0,83%, após a elevação anterior de 2,78%. Por sua vez, o IPC oscilou de 0,74% para 0,78%, enquanto o INCC passou de uma alta de 0,36% para outra de 0,92%. No curto prazo, alguns itens do IGP têm apresentado dissipação dos efeitos da greve dos caminhoneiros em ritmo inferior ao esperado, mas, olhando para os próximos meses, avaliamos que o índice deverá registrar desaceleração. A depreciação cambial, por sua vez, constitui um vetor de risco a ser monitorado

Nenhum comentário:

Postar um comentário