domingo, 17 de novembro de 2019

Campanha de vacinação contra o sarampo


Jovens entre 20 e 29 anos compõem o público-alvo da nova etapa da campanha de imunização contra o sarampo, que começa nesta segunda-feira, 18. A campanha é nacional e se estende até o dia 30. O último sábado de novembro, 30, será o Dia D de mobilização em todo Brasil.

Nesta nova etapa, o grupo foi escolhido em função da situação epidemiológica do país, importante incidência de casos da doença nesta faixa etária. Em Porto Alegre, foram confirmados até o momento doze casos da doença, dos quais seis pacientes entre 20 e 29 anos, três de 18 anos e três adultos com mais de 30.
A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) oferecerá a vacina em todas as unidades de saúde, com horários diferenciados de atendimento (unidades de saúde, 8h às 17h; US Tristeza, Ramos, Modelo e São Carlos, das 8h às 22h; Clínica da Família, na Restinga, das 8h às 20h).
De acordo com o censo do IBGE de 2010, a Capital tem mais de 248 mil jovens entre 20 e 29 anos. Segundo a estimativa da Secretaria Estadual de Saúde (SES), cerca de 167 mil são considerados não vacinados e, por isso, precisam atualizar o esquema vacinal.
O calendário oficial de vacinação do Brasil prevê que até os 29 anos todas as pessoas devem comprovar duas doses de vacina com componente de sarampo. “A campanha oferece a oportunidade de atualização da caderneta. É importante que os jovens compareçam a uma unidade de saúde para verificar a sua condição vacinal”, enfatiza o médico da Vigilância em Saúde da SMS, Juarez Cunha.
Campanha – Em outubro, a campanha nacional abrangeu crianças entre seis meses e cinco anos incompletos. Segundo dados do Ministério da Saúde, a Capital alcançou a meta de 95% de imunização do público-alvo. O objetivo da campanha nacional é aumentar a cobertura vacinal e diminuir o risco de transmissão do vírus do sarampo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário