quarta-feira, 16 de maio de 2018

Petistas que quase mataram o empresário Bettoni acabam de se entregar em SP


Os dois petistas que quase mataram a socos e pontapés o empresário Carlos Bettoni diante do Instituto Lula, no caso o ex-vereador Maninho e seu filho, procurados pela polícia, acabam de se entregar.

Eles cumprirão preventiva por tentativa de homicídio, crime que chocou o Brasil e tudo a serviço do réu condenado e preso por corrupção Lula da Silva.

Nenhum comentário:

Postar um comentário