segunda-feira, 2 de julho de 2018

Folha do RS já bate em R$ 1,5 bilhão por mês. 55,4% são inativos.

O Estado estar gastando 30% de sua receita corrente líquida com menos de 2% da população

Inativos já são 55,4% da folha de servidores do RS, diz completa reportagem especial de hoje do jornal Zero Hora. O total de aposentados cresceu 9,5% desde 2015, alcançando 155,9 mil, o que piora o rombo da Previdência e tira do Estado a capacidade de investir e superar a crise. Quase 100% dos inativos têm regime de paridade com os ativos

A reportagem é assinada pela competente jornalista Juliana Bublitz

O jornal conta que o déficit previdenciário aprofundou-se. Em teoria, as contribuições dos ativos deveriam cobrir os benefícios daqueles que se retiraram, mas a conta não fecha há anos. Em 2017, o Estado teve de bancar déficit de R$ 10,56 bilhões, dinheiro que poderia ter sido aplicado em áreas como saúde e educação.

Desde abril, a folha de pagamento dos servidores do Poder Executivo superou a marca de R$ 1,5 bilhão em valores brutos – aumento real (descontada a inflação) de 7,5% em relação a igual período do ano passado. Cresceram as despesas com vencimentos, vantagens temporais e gratificações, entre outros itens – tanto quanto as dificuldades do governo para pagar os contracheques em dia e aumentos concedidos na gestão passada. Por conta delas, Sartori teve que pagar oito aumentos até agora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário