terça-feira, 1 de agosto de 2017

Rio adere ao Regime de Recuperação Fiscal, mas RS enfrenta obstáculos criados pela Assembléia

O Rio protocolou ontem o pedido de adesão ao Regime de Rcuperação Fiscal dos Estados, depois que a Assembléia aprovou todas as exigências e reciprocidades exigidas pela lei federal aprovada pelo Congresso.

O que incluiu a entrega da Cedae (a Corsan do Rio).

O RS, que é o Estado que está na pior situação fiscal do País, só perdendo para o Rio, enfrentas obstáculos que já duram mais de meio ano, já que a oposição, os deputados independentes e até uma parte da base aliada negam estribo a propostas decisivas para a adesão, como é o caso da entrega da CEEE, CRM ou Sulgás.

Nenhum comentário:

Postar um comentário