quinta-feira, 17 de junho de 2021

Senado aprova privatização da Eletrobrás. Governo jogou pesado no plenário. Oposição foi derrotada.

A líder da bancada feminina no Senado, Simone Tebet (MDB-MS), disse em entrevista ao site Poder360 que a MP desagradava a todos e que uma derrota do governo seria o começo do fim da administração Bolsonaro, mas o governo jogou pesado, hoje. Como a proposta foi aprovada, a senadora resultou desmoralizada em sua catastrófica declaração.

O Senado aprovou nesta quinta-feira o texto-base da MP (Medida Provisória) da capitalização da Eletrobras. Foram 42 votos contra e outros 37 a favor. 

O texto agora segue para a Câmara dos Deputados. A proposta perde validade em 22 de junho.

O relator no Senado, Marcos Rogério (DEM-RO), fez acréscimos à proposta já aprovada pela Câmara. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário