quarta-feira, 6 de setembro de 2017

Levantamento inédito do ZAP aponta que 26% das pessoas que optam pelo aluguel querem morar sozinhas

Levantamento inédito do ZAP aponta que 26% das pessoas que optam pelo aluguel querem morar sozinhas
Maior portal imobiliário do Brasil, ZAP divulga pesquisa que compara os cenários de locação e compra, a partir do primeiro contato realizado no portal para busca por imóveis
O ZAP acaba de traçar o perfil das pessoas que estão buscando por imóveis, seja para compra ou locação, pela primeira vez. Ao longo do primeiro semestre, foram ouvidas mais de 16,6 mil pessoas, com idade média de 38 anos e em sua maioria mulheres (56%), que apontaram os principais fatores considerados durante as buscas. Nesse cenário, 26% dos usuários que querem alugar um imóvel pretendem morar sozinhos. E, entre aqueles que irão optar pela compra, há uma parcela significativa (28%) que está realizando o processo de busca para adquirir o primeiro imóvel.
Além disso, as pessoas que buscam imóveis para locação são mais imediatistas e pretendem gastar 4 meses em todo o processo, da busca a mudança, dos quais até 60 dias seriam dedicados à pesquisa, enquanto quem deseja comprar um imóvel prevê um prazo de 9 meses para o mesmo processo, sendo 90 dias destinados à busca e os outros 6 meses para a compra e mudança.
Segundo o último levantamento da Comscore, realizado em junho deste ano, mais de 15 milhões de internautas acessam sites do mercado imobiliário mensalmente e a audiência registrou alta de 21% nos últimos 12 meses, fato que corresponde ao interesse maior da população em imóveis. Mas qual o interesse real desse público? De acordo com o CEO do ZAP, Eduardo Schaeffer, o mercado imobiliário vive um momento de retomada, com a intenção cada vez maior, tanto de quem oferta quanto de quem demanda, para realizar negócios. “Entendendo que esse cenário positivo pode se intensificar a qualquer momento, é preciso compreender todos os fatores que motivam as pessoas”, afirma.
De acordo com a pesquisa do ZAP, a maior parte das buscas (90%) estão relacionadas à moradia, enquanto apenas 10% buscam um imóvel para lazer, investimento ou negócios. Entre os fatores mais avaliados no processo de escolha do imóvel estão a infraestrutura do bairro (74%), a facilidade de deslocamento (66%) e as características da vizinhança (49%). “Dentro desses recortes podemos fazer análises interessantes, principalmente em relação à mobilidade urbana, como a importância da presença de alternativas de transporte (meios públicos, táxis e ciclovias) para a Geração Y, e da proximidade de vias principais para as gerações X e Baby Boomers, que optam em sua maioria pelo uso de carros”, avalia Schaeffer.
E quando o assunto são os preços, a percepção das pessoas vai de encontro ao último Raio-X FipeZAP, que apontou um aumento, de 28% para 29%, no número de entrevistados que esperam uma queda nos preços nos próximos 12 meses. “Embora nossa pesquisa mostre que 76% das pessoas que fazem a primeira busca por imóveis no ZAP ainda considerem os preços altos ou muito altos, seja para compra ou locação, em uma análise geral do mercado vemos um momento de expectativas positivas para os próximos meses”, conclui o CEO do ZAP.
Sobre o ZAP

O ZAP (www.zapimoveis.com.br) é o maior portal imobiliário do Brasil. Empresa do Grupo Globo, o especialista em imóveis se destaca por reunir o maior número de buscas, o mais qualificado número de ofertas e mais de 40 diferentes soluções e informações para quem quer alugar, comprar ou vender. Com uma base de dados atual e confiável, o ZAP também fornece informações estratégicas para analistas do Brasil e do exterior sobre as relações entre a oferta e a demanda de imóveis em todo o País. Ao todo recebe mensalmente 19 milhões de visitas únicas e 59 milhões de buscas por imóveis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário