domingo, 21 de janeiro de 2018

Saiba quem sãio os 23 senadores que poderão ser julgados no ano que vem, caso percam mandatos

Saiba quem sãio os 23 senadores que poderão ser julgados no ano que vem, caso percam mandatos 

Vinte e três senadores alvos da Lava Jato – ou de seus desdobramentos – ficarão sem foro privilegiado se não se reelegerem em 2018, registra o G1.

O Antagonista organiza a lista:

– Eunício Oliveira (PMDB-CE), presidente do Senado;

– Romero Jucá (PMDB-RR), presidente do PMDB e líder do governo de Michel Temer;

– Renan Calheiros (PMDB-AL);

– Garibaldi Alves Filho (PMDB-RN);

– Jader Barbalho (PMDB-PA);

– Edison Lobão (PMDB-MA), presidente da CCJ do Senado;

– Valdir Raupp (PMDB-RO);

– Eduardo Braga (PMDB-AM);

– Gleisi Hoffmann (PT-PR), presidente do PT;

– Lindbergh Farias (PT-RJ);

– Humberto Costa (PT-RJ);

– Jorge Viana (PT-AC);

– Cássio Cunha Lima (PSDB-PB), vice-presidente do Senado;

– Aécio Neves (PSDB-MG);

– Aloysio Nunes (PSDB-SP);

– Ricardo Ferraço (PSDB-ES);

– Dalirio Beber (PSDB-SC);

– Ciro Nogueira (PP-PI), presidente do PP;

– Benedito de Lira (PP-AL);

– Ivo Cassol (PP-RO);

– José Agripino Maia (DEM-RN);

– Lídice da Mata (PSB-BA);


– Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM).

Um comentário:

  1. 23 de 81, quase 30%!
    Mas. deixemos claro, nem todos são bandidos. Eu não considero corrupção, por exemplo, caixa dois. Caixa dois sempre foi uma prática generalizada desde que existe a politica.
    Eu tive um gráfica, e TODOS , absolutamente todos, os políticos que faziam trabalhos comigo, usavam o caixa dois, metade dos trabalhos com NF e o saldo, sem!
    Alguém, certamente um cínico, dirá, mas então tu incidias em crime fiscal, pois tirava a NF só da matade dos trabalho. Eu e o mundo, cara pálida. Entre alimentar minha família, e seguir regras absolutamente irreais, não práticas, sigo a minha regra: alimentar minha família!

    ResponderExcluir