sexta-feira, 4 de maio de 2018

Confira os estádios e os prováveis MVP´s da Copa da Rússia 2018

O maior evento de futebol do mundo demora para ser realizado, só acontece de quatro em quatro anos, mas enfim ele está aos poucos chegando. Depois do sucesso da Copa do Mundo de 2014 (não para a seleção anfitriã), a vez de receber os 32 times classificadas e milhares de turistas, fica por conta da Rússia. O país milenar está localizado no Leste Europeu e na Ásia Setentrional, é o maior país em extensão territorial e muito conhecido pela sua rica história e cultura.

A Rússia foi escolhida para sediar a Copa do Mundo em dezembro de 2010, após se candidatar junto a países com grande tradição no futebol, como Inglaterra e Espanha.

Porém, dentro de campo, a seleção russa não precisou vencer adversários para se classificar ao torneio, até porque os países anfitriões se classificam ao mundial de maneira automática. Em 2018 é a 11° participação dos russos no maior evento do futebol mundial.

Os estádios também chamam atenção quando o assunto é futebol. Na Rússia serão 12 arenas espalhadas por 11 cidades, e a capital Moscou comportará dois estádios durante o torneio. O que inicialmente surpreendeu a todos foi a arquitetura peculiar de alguns destes palcos. Confira abaixo as sedes, as cidades e os valores estimados na construção dessas obras.


1. Estádio de Luzhniki (foto)

Localizado em Moscou, capital russa, a arena é o principal palco do torneio. Ela abrigará a abertura e final, além de uma semifinal, oitavas de final e jogos da fase de grupos. Foi inaugurado em 1980 para a Olimpíada de Moscou e atualmente possui capacidade para 81 mil espectadores. Reformado e com arquitetura comedida, o estádio custou cerca de US$ 470 milhões.

2. Arena Zenit

É o segundo maior em capacidade de público e fica na cidade de São Petersburgo. Receberá o jogo da disputa de terceiro lugar, uma das semifinais, além de partidas das oitavas e da fase de grupos. A casa do time Zenit demorou 10 anos para ficar pronta e comporta mais de 68 mil pessoas. Importante sede do mundial, a arena custou por volta de US$ 841 milhões.

3. Fisht Stadium

Inaugurado em 2013, o estádio de Sochi recebeu a Olimpíada de Inverno em 2014. Abrigará um jogo das quartas de final, outro das oitavas e partidas da fase de grupos. O estádio pode abrigar 47 mil torcedores.
Construído recentemente, gastou-se na reforma da arena pra copa cerca de US$ 52 milhões.

4. Kazan Arena

Casa de um time tradicional da cidade, o Rubin Kazam, o estádio inaugurado em 2013 já recebeu a Olimpíada Universitária no mesmo ano. Na Copa vai receber uma partida das quartas de final, uma das oitavas e jogos da fase de grupos. Comporta cerca de 45 mil torcedores. Recebendo jogos há mais de 4 anos, o estádio custou US$ 324 milhões aos cofres dos russos.

5. Samara Arena

Outro estádio que começou a ser construído do zero, a arena fica localizada na cidade de Samara. Vai comportar uma partida das quartas de final, uma das oitavas e jogos da fase de grupos. Sua capacidade fica em volta de 44 mil espectadores. Com design arrojado que chama atenção, a obra custou cerca de US$ 320 milhões.

6. Estádio Spartak

Com poucos anos de uso e inaugurado em 2014 também na capital russa, tem uma fachada parecida com o estádio do Bayern de Munique. Sediará jogos da fase de grupos e um das oitavas de final. Tem mais de 45 mil lugares à disposição para o público. Local costuma receber partidas da seleção russa e custou por volta de US$ 325 milhões.

7. Rostov Arena

Na cidade de Rostov, o estádio fica próximo ao Rio Dion, área turística da cidade. Receberá um jogo das oitavas de final e partidas da fase de grupos. Poderá receber mais de 45 mil torcedores. Retangular e com curvas leves, a arena custou cerca de US$ 350 milhões.

8. Nizhny Novgorod Stadium

Também saiu do zero e foi planejado especificamente para o mundial desse ano. Localizado em Novgorod, abrigará um duelo das quartas, outro das oitavas de final e quatro da fase de grupos. Tem capacidade para cerca de 45 mil fãs. Perto dos rios Volga e Oka, gastou-se na obra cerca de US$ 310 milhões.

9. Volgograd Arena

Localizado em Volgogrado, será casa do FC Rotor após a Copa. Receberá apenas partidas da fase de grupos e comporta cerca de 45 mil espectadores. Remodelado, o estádio custou por volta de US$ 290 milhões.

10. Mordovia Arena

O estádio fica na cidade de Saransk e mistura estruturas fixas com temporárias. Será palco de quatro partidas da fase de grupos, com capacidade de abrigar quase 45 mil torcedores. Com previsão de ter parte desmontada após o torneio, gastou-se na obra por volta de US$ 290 milhões.

11. Ekaterinburg Arena

É mais um palco especificamente produzido para a Copa do Mundo. Fica em Iecaterimburgo e receberá apenas jogos da fase de grupos. Sua capacidade é de pouco mais de 35 mil pessoas.
Imagem. Palco apenas da fase inicial da Copa, a arena custou cerca de US$ 220 milhões.

12. Kaliningrad Stadium

Se localiza em uma ilha do território russo que geograficamente fica isolada do restante do país. A justificativa da Fifa é que a região será desenvolvida após recepcionar o mundial. Será palco para partidas da fase inicial do torneio e consegue comportar mais de 35 mil pessoas. Separado do restante do país, os custos do estádio ficaram por volta de US$ 310 milhões.
FOTO: Reprodução Web


QUEM SERÃO OS JOGADORES MAIS VALIOSOS DA COPA (MVP)?

Fãs e adeptos do futebol já começam a pensar em quem pode se destacar no Mundial, se será um jovem ou craque consagrado. Então, resolvemos pesquisar e montar um time de jovens promessas do mundo da bola que se destacaram na última temporada e podem vir com tudo na Rússia. Confira abaixo:

Goleiro:
- Donnarumma, 18 anos, italiano, jogador do Milan.

Zagueiros:
- John Stones, 22 anos, inglês, do Manchester City.
- Kurt Zouma, 22 anos, francês, do Chelsea.

Laterais:
- Héctor Bellerín, 22 anos, lateral-direito, espanhol do Arsenal.
- Brandt, 20 anos, lateral-esquerdo, alemão do Bayer Leverkusen.

Meio campo:
- Leroy Sané, 21 anos, alemão do Manchester City.
- Renato Sanchez, 19 anos, português do Bayern de Munique.
- Dele Alli, 20 anos, inglês do Tottenham.

Atacantes:
- Gabriel Jesus, 19 anos, brasileiro do Manchester City.
- Ousmane Dembelé, 19 anos, francês do Borussia Dortmund.

- Mbappe, 18 anos, francês do Monaco.

Nenhum comentário:

Postar um comentário