quarta-feira, 27 de novembro de 2019

PPP de R$ 2,2 bilhões da Corsan irá a leilão nesta sexta-feira. Será na Bolsa de SP.

A expectativa da Corsan é realizar a assinatura do contrato da PPP até março de 2020.Os investimentos nas nove cidades serão de R$ 2,2 bilhões. Tratamento de esgoto irá a 87% e tratamento de água somará 100%.

A Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan) realizará, nesta sexta-feira, a sessão pública de abertura das propostas da parceria público-privada (PPP) da Região Metropolitana. O projeto vai acelerar a universalização da coleta e do tratamento de esgoto em nove municípios. 

Aberto à imprensa e ao público em geral, o leilão ocorre a partir das 10h, na sede da B3, em São Paulo (praça Antônio Prado, 48, Centro). 

Sairá vencedor o licitante que, no âmbito da fórmula de pagamento mensal da Corsan ao futuro parceiro privado, apresentar o menor preço unitário por metro cúbico de esgoto faturado. Após a proclamação do vencedor, será feita a tradicional batida de martelo. Na sequência, ocorrerá a abertura do envelope nº 3, contendo os documentos de habilitação, cuja análise terá o resultado divulgado até 13 de dezembro. Posteriormente, será aberto prazo para interposição de recursos, e a homologação da licitação está prevista para 24 de janeiro. 

O processo licitatório da PPP conta com assessoria técnica e apoio operacional da B3, uma das principais empresas de infraestrutura de mercado financeiro do mundo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário