terça-feira, 14 de junho de 2016

Artigo, Thomas de Toledo - Os dedos de Israel e dos Estados Unidos no golpe

Qual a diferença ?

O editor publica o artigo a seguir para que os leitores entendam de que modo asqueroso, anti-patriótico, mentiroso e traiçoeiro esse tipo de gente trata os interesses dos brasileiros. Eles são aliados carnais do PT e do Psol. Está tudo no Vermelho, publicação do PCdoB, o Partido da deputada comunista Manuela D'Ávila. Leia:

O governo golpista de Michel Temer é comandado por Israel e Estados Unidos e tudo indica o DNA da CIA e do Mossad na derrubada de Dilma.

Por Thomas de Toledo*

Encontro entre o presidente ilegítimo, Michel Temer, com Shimon Peres, presidente de Israel
Poucos se atentaram ao fato de que Israel passou a controlar com seus sionistas três setores-chave do governo golpista: a Defesa (Raul Jugmann), a Inteligência (Sergio Etchegoyen) e o Banco Central (Ilan Goldfajn).

Nos últimos anos, Israel passou a controlar os principais ministérios e a influir na eleição de praticamente todos os deputados e senadores dos Estados Unidos. Agora avançam sobre os principais países latino-americanos com Macri na Argentina e como Temer no Brasil. Para quem achava que a luta palestina era um distante conflito no Oriente Médio, ele bateu às portas e chegou ao poder.

Um banqueiro sionista dos Estados Unidos dizia: "entreguem-me o controle das finanças de um país e pouco importo-me com o que fazem com as leis". Pois bem, Temer nomeou um sionista representante dos banqueiros como presidente do Banco Central do Brasil. Agora, um país minúsculo e arrogante chamado Israel controla as finanças de um gigante adormecido chamado Brasil.

CLIQUE AQUI para ler mais. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário