domingo, 18 de setembro de 2016

Resposta de Fernando Estima sobre contribuição ao candidato Marchezan Júnior

      Após publicações postadas a partir do dia 12/9/2016 no site http://polibiobraga.blogspot.com.br, eu, FERNANDO ESTIMA, após ter sido citado nominalmente nas postagens, através de advogados por mim contratados, mantive contato com o jornalista e editor deste Blog, que se prontificou em ceder este espaço.
         Esclareço que NÃO sou o controlador e nem mesmo sou hoje acionista da empresa Taurus, mencionada nos textos publicados neste site, assim como nenhum outro integrante da família Estima é controlador (ou "principal controlador" como referido) da referida empresa.
         A divulgação destas INFORMAÇÕES INCORRETAS e de FALSAS ACUSAÇÕES, em especial da "denúncia" realizada pelo candidato a Vereador impugnado WAMBERT DI LORENZO, com sugestões maliciosas, atingiram diretamente a mim e a meus familiares, porquanto não há ligação entre as doações eleitorais realizadas para o candidato à prefeitura da capital gaúcha NELSON MARCHEZAN JR. com qualquer interesse comercial.
         O candidato NELSON MARCHEZAN JR. ganhou meu apoio e admiração por ser aquele que mais se alinha com meus princípios e ideais políticos e sociais, e que apresenta uma proposta na qual realmente acredito de renovação e melhorias para Porto Alegre, a cidade onde vivo e onde nasceram, estudam e moram meus filhos. Essas são as RAZÕES REAIS que me levaram a exercer meu direito legítimo, assim como de qualquer eleitor, de apoiá-lo financeiramente (dentro dos limites estabelecidos pela Lei 9.504/97).
         Entendo que o momento é propício para promover mais mudanças na política e para termos uma democracia mais sólida no Brasil. Não podemos mais admitir a participação dos eleitores como meros espectadores ou mesmo como meros pagadores de impostos. Cabe a todos efetivamente se envolver, com dedicação de tempo e até mesmo de dinheiro, para ajudar os bons políticos a ocupar posições que hoje são preenchidos por atores que nada dizem com o respeito da coisa pública.
         Desconheço motivos pelos quais o candidato impugnado WAMBERT DI LORENZO (sua candidatura para Vereador foi INDEFERIDA pela Justiça Eleitoral, estando pendente de julgamento o recurso por ele apresentado junto ao TRE, consoante consulta hoje realizada no sistema do TSE e enviada ao jornalista) tenha resolvido fazer as acusações caluniosas contra minha pessoa, meus familiares e em face do candidato NELSON MARCHEZAN JR. Informo que contra tais afirmações FALSAS E INFUNDADAS, manifestadas abertamente por ele em redes sociais, serão tomadas todas as medidas judiciais cabíveis para reparar os prejuízos causados a mim e à minha família.
         Porto Alegre, 18 de setembro de 2016.
         Ass.: FERNANDO ESTIMA.


Nenhum comentário:

Postar um comentário