quinta-feira, 14 de junho de 2018

Entrevista, Felipe Vieira - Blog tem que ter cara e CPF. Se tiver isto, normalmente tem credibilidade.

O jornalista Felipe Vieira, 52 anos, faz jornalismo há 36 anos no RS. Ele é homem de rádio, mas desde 2003 faz também jornalismo pela internet, via seu blog www.felipevieira.com.br, publicando informações e opiniões das áreas política e econômica. 

ENTREVISTA

O blog é atualizado todos os dias ?
Sim, das 4h até as 22h. Faço muita clipagem e passo muita informação exclusiva. Uma média de 30 notas por dia. A partir do segundo semestre, darei mais opinião.

Você é homem caracterizadamente de rádio. Nas emissoras onde trabalhou - as maiores - você acha que tinha mais ou menos cuidado no tratamento das informações e opiniões ?
Trabalho em rádio e TV há 36 anos. Este tipo de mídia exige intervenção imediata. Falo antes e penso depois.Todos fazem isto quando falam de improviso em rádio e TV. No caso do blog, penso muito antes e escrevo depois.

Por que isto ?
Como eu disse: rádio e TV, para quem fala de improviso, sem texto na frente, exige posicionamento imediato. Nem há autocensura, porque não dá tempo. E não importa o tamanho da empresa que está por trás da rádio e da TV.

Com a quantidade de informações postadas no blog diariamente, dá tempo para fazer o contraditório, checar as fontes, trabalhar a opinião com cautela ?
Quase nunca. Eu tenho que confiar na fonte. Se ela é crível, vou adiante. Com o tempo de estrada (conhecimento) a gente tem a exata percepção sobre notícia, opinião ou informação fidedigna. Na dúvida, não boto nada.

Fonte tem que ter credibilidade ?
Tem que ter cara e CPF.

Quem mais usa fake news ?
Pela ordem, WhatsApp, Facebook e congêneres, blogs, mas isto sempre existiu. Tem que saber separar o joio do trigo e consultar mais de um meio de comunicação quando ocorrer dúvida.

E-mail do jornalista - felipegaricavieira6@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário